A voz da experiência: embaixadores são inspiração para jovens nos Jogos Escolares

COB convida campeões olímpicos e pan-americanos para trocar experiências e ajudarem atletas que estão em Brasília para a disputa da maior competição escolar do país

Juntar vários nomes de peso do esporte brasileiro para passar experiência para os mais jovens. Este será o papel dos embaixadores nos Jogos Escolares da Juventude. Convidados pelo Comitê Olímpico do Brasil (COB), 14 atletas olímpicos ou pan-americanos estarão em Brasília auxiliando e levando o exemplo positivo da prática esportiva para os quase 4 mil jovens participantes dos jogos escolares que começam nesta quinta-feira.

A lista de embaixadores conta com o campeão olímpico Emanuel Rego, único atleta do vôlei de praia a ter participado de cinco edições dos Jogos Olímpicos e campeão em Atenas 2004; Fofão, campeã olímpica no vôlei feminino em 2008; Hugo Hoyama, atleta multicampeão do tênis de mesa, com participação em seis jogos olímpicos, e Vanderlei Cordeiro de Lima, medalha de bronze nos Jogos Olímpicos de Atenas 2004 e o único latino-americano outorgado com a Medalha Pierre de Coubertin, a maior condecoração de cunho humanitário-esportivo concedida pelo Comitê Olímpico Internacional.

Dois brasilienses também serão embaixadores: a judoca Érika Miranda, campeã pan-americana em 2015 e com duas participações em olimpíadas, e Caio Bonfim, recordista brasileiro nos 20km e 50km na marcha atlética, com participação em duas olimpíadas. Ambos já participaram dos jogos escolares e sabem da importância da competição para os futuros atletas.

Atletas irão levar o exemplo positivo da prática esportiva para os jovens participantes dos jogos escolares (Foto: Alexandre Loureiro / Exemplus / COB)

É fantástico poder fazer parte deste momento. Este é um evento que dá oportunidade para os jovens. Eu participei dos jogos em 2003, quando tinha 12 anos, fiquei em décimo lugar. Lembro que cheguei em casa com muito orgulho da minha colocação, com a sensação de ser um atleta. Foi ali que defini “é isso que que eu quero para mim”. É uma preparação importantíssima para o futuro do atleta. Aqui é uma grande oportunidade para ter essa vivência. É uma honra estar presente aqui, na minha cidade, e estar como embaixador

Caio Bonfim

É um prazer está aqui como uma das embaixadoras dos jogos escolares, ainda mais na minha cidade. Essa competição é de suma importância para os novos talentos que vão surgir no esporte brasileiro. Eu participei dos jogos e foi muito importante na minha carreira, e com certeza vai ser importante para os jovens que estão participando. Vou estar acompanhando todos os dias as competições. Espero dar um pouquinho da minha experiência para os atletas e passar que isso é possível. Daqui alguns anos, vamos estar na televisão vendo os novos talentos que estão aqui

Érika Miranda

Para Vanderlei Cordeiro de Lima, os Jogos Escolares da Juventude são uma grande vitrine para futuros atletas, e a presença dos embaixadores é fundamental para conviver e passar a experiência para os jovens competidores.

A maior de nós, atletas, teve início na escola. Os jogos escolares são uma grande vitrine para futuros atletas. A competição tem uma dimensão muito grande e muitos desses jovens estão participando de uma competição tão grande pela primeira vez. Vou tentar passar minha experiência, interagir diretamente com eles, incentivar, motivar, fazendo realmente eles darem o melhor. É uma experiência única que eles estão vivendo e certamente irá fazer uma grande diferença no futuro da vida desses jovens

Vanderlei Cordeiro de Lima

Também serão embaixadores em Brasília Joanna Maranhão (natação), Fabiana da Silva (badminton), Kelly Santos (basquete), Henrique Avancini (ciclismo), Lenísio (futsal), Francielly Pereira (ginástica rítmica), Silvia Helena (handebol) e Lais Nunes (luta olímpica).

A cerimônia de abertura dos Jogos Escolares da Juventude ocorre nesta quinta-feira, às 18h, no Ginásio Nilson Nelson. Os jogos vão até o dia 25 de novembro.

Números dos Jogos Escolares da Juventude de Brasília

3938 atletas
533 professores
137 dirigentes
1360 escolas de 444 cidades representando todos os estados Brasileiros
320 voluntários
430 árbitros
14 esportes

Fonte: Globo Esporte

Tags

top